Baden Powell completaria 80 anos em 6 de agosto. O violonista e compositor, um dos maiores da música brasileira, tem seu estilo e sua importância lembrados aqui por um de seus filhos, Marcel Powell, também violonista (o outro filho, Philippe Baden Powell, é pianista). Marcel, que gravou em 2016 o CD Só Baden, tocou para este programa Violão vadio e o medley Canto de Iemanjá/Tristeza e solidão/Consolação. Também podemos ouvir o próprio Baden tocando, inclusive um prelúdio de Bach, seu compositor favorito.

Em 6 de agosto, Marcel se apresenta no auditório do IMS-RJ, às 20h, com a participação da cantora Thaís Motta.

O acervo pessoal de Baden Powell está sob a guarda do IMS.

Repertório

Violão vadio (Baden Powell) – Marcel Powell

Naquele tempo (Pixinguinha) – Baden Powell

Canto de Iemanjá/Tristeza e solidão/Consolação (Baden Powell e Vinicius de Moraes) – Marcel Powell

Prelúdio em ré menor (Bach) – Baden Powell

Samba em prelúdio (Baden Powell e Vinicius de Moraes) – Marcel Powell

Berimbau (Baden Powell e Vinicius de Moraes) – Baden Powell e coro

 

Apresentação: Luiz Fernando Vianna

Edição: Filipe Di Castro

 

Veja Marcel Powell tocando o medley Canto de Iemanjá/Tristeza e solidão/Consolação no Auditório do IMS-RJ, em gravação para este programa.