O CD A paixão segundo Catulo (Selo Sesc) volta a jogar luz sobre a obra de Catulo da Paixão Cearense (1863-1946), o primeiro letrista relevante da música popular brasileira. O flautista e saxofonista Mário Sève, produtor do CD, explica em entrevista a Joaquim Ferreira dos Santos, no estúdio da Batuta, o estilo e os procedimentos do compositor. Ele costumava pôr versos em melodias já existentes, feitas por pioneiros como Ernesto Nazareth, Joaquim Callado, Anacleto de Medeiros e João Pernambuco.

No início da década de 1970, a música-tema do filme Love story foi acusada de plágio de Ontem ao luar, melodia de Pedro de Alcântara que ganhou letra de Catulo.

(Em tempo: Catulo era maranhense; cearense era seu pai.)

Repertório

Ontem ao luar (Pedro de Alcântara e Catulo da Paixão Cearense) – Marisa Monte

Sertaneja (Ernesto Nazareth e Catulo da Paixão Cearense) – Carol Saboya e Lui Coimbra

Luar do sertão (João Pernambuco e Catulo da Paixão Cearense) – Luiz Gonzaga e Milton Nascimento

Rasga o coração (Anacleto de Medeiros e Catulo da Paixão Cearense) – Vicente Celestino

Caboca de caxangá (João Pernambuco e Catulo da Paixão Cearense) – Claudio Nucci

Flor amorosa (Joaquim Callado e Catulo da Paixão Cearense) – Leila Pinheiro e Rodrigo Maranhão

Você não me dá (Ernesto Nazareth e Catulo da Paixão Cearense) – Carol Saboya

Talento e formosura (Edmundo Otávio Ferreira e Catulo da Paixão Cearense) – Rodrigo Maranhão

Roteiro e apresentação: Joaquim Ferreira dos Santos
Edição: Filipe Di Castro