O compositor Antonio Maria (1921-1964), o poeta Vinicius de Moraes (1913-1980) e a cantora Aracy de Almeida (1914-1988) eram amicíssimos, todos da mesma turma de boêmios intelectuais do Rio de Janeiro nos anos 1950. De vez em quando, aboletavam-se num carro e, conduzidos por Antonio Maria, iam até São Paulo. A cidade era uma paixão comum aos três. Este Dobrado de amor a São Paulo foi feito por Maria e Vinicius para comemorar os 400 anos da cidade, em 1954. O acompanhamento é da Orquestra Tabajara, de Severino Araújo.

 

Seleção e texto: Joaquim Ferreira dos Santos

Edição: Filipe Di Castro