Em setembro de 2016, no programa em homenagem a Toots Thielemans, Reinaldo Figueiredo contou que estava sendo produzido um CD dedicado a Mauricio Einhorn, que é o maior nome da harmônica no jazz brasileiro. E o disco ficou pronto a tempo de celebrar os 85 anos do instrumentista, completados em maio de 2017.  (Ele diz que tem 80 de música, porque começou a tocar aos cinco.) O projeto, intitulado Viva Mauricio Einhorn!, conta com a participação de 27 harmonicistas e foi idealizado por três deles: Gabriel Grossi, Pablo Fagundes e Alex Rossi. Para este programa, Reinaldo selecionou oito das faixas, além de duas do disco ME, lançado por Einhorn em 1979, e uma versão de Estamos aí com o saxofonista cubano-americano Paquito D’Rivera, que costuma encerrar seus shows com o tema.

Repertório

Sambop (Mauricio Einhorn e Durval Ferreira) – Pablo Fagundes

Ad Vinhas (Mauricio Einhorn e Arnaldo Costa) – Rildo Hora

Pro Forma (Mauricio Einhorn e Arnaldo Costa) – Flávio Guimarães e Yamandu Costa

Batida diferente (Mauricio Einhorn e Durval Ferreira) – Jehovah da Gaita

São Conrado (Mauricio Einhorn e Carlos Alberto Pingarilho) – Leonardo dos Santos

Limbo – Tema para Ron Carter e Jim Hall (Mauricio Einhorn e Arnaldo Costa) – Rodrigo Eberienos

Abril (Mauricio Einhorn e Durval Ferreira) – Alex Rossi

Acalanto para Einhorn (Gabriel Grossi) – Gabriel Grossi

Joia (Mauricio Einhorn e Alberto Arantes) – Mauricio Einhorn

Estamos aí (Mauricio Einhorn, Durval Ferreira e Regina Werneck) – Mauricio Einhorn

Estamos aí (Mauricio Einhorn, Durval Ferreira e Regina Werneck) – Paquito D’ Rivera

 

Confira o programa Todos gostam de Toots.

A volta ao jazz em 80 mundos é apresentado no terceiro sábado de cada mês, às 20h, na Rádio MEC FM do Rio de Janeiro (99.3 MHz). Em julho, está indo ao ar, excepcionalmente, no quarto sábado.

Apresentação: Reinaldo Figueiredo

Edição: Filipe Di Castro