A obra de Pixinguinha como compositor, instrumentista e arranjador ganha na Batuta um programa mensal todo dedicado a ela. A estreia destaca o trabalho do maestro para o programa O Pessoal da Velha Guarda, sucesso na Rádio Tupi entre 1947 e 1952. Do Acervo Pixinguinha, que está no Instituto Moreira Salles, constam 300 arranjos escritos por ele especialmente para a atração que o cantor e radialista Almirante comandava. Registros originais e outros feitos em 2014 pela Orquestra Pixinguinha na Pauta, arregimentada pelo IMS, integram o repertório selecionado para este capítulo inicial. Também há gravações de Radamés Gnattali, Raphael Rabello, André Mehmari e do MPB-4, além de um bate-papo entre os músicos responsáveis pelo programa, todos estudiosos e amantes da obra de Pixinguinha.

Repertório

Minha vez (Pixinguinha) – Orquestra do Pessoal da Velha Guarda

Hilda (Mário Álvares da Conceição) – Orquestra Pixinguinha na Pauta

Fecha a carrança (Aristóteles de Magalhães Peri) – Orquestra do Pessoal da Velha Guarda

O orvalho vem caindo (Noel Rosa e Kid Pepe) – Almirante e Diabos do Céu

Lamento (Pixinguinha e Vinicius de Moraes) – MPB-4

Lamentos (Pixinguinha)  – Orquestra Pixinguinha na Pauta

Um a zero (Pixinguinha) – Sexteto Radamés Gnattali

Segura ele (Pixinguinha) – Raphael Rabello e Dino Sete Cordas

Ignez (Pixinguinha) – André Mehmari

 

Apresentação: Pedro Paulo Malta

Roteiro: Pedro Paulo Malta, Paulo Aragão, Marcílio Lopes e Bia Paes Leme

Edição: Filipe Di Castro

 

Veja a caixa de partituras e o livro Pixinguinha na pauta: 36 arranjos para o Pessoal da Velha Guarda.