Anacleto de Medeiros foi o terceiro dos quatro pioneiros homenageados por Radamés Gnattali em sua suíte Retratos, gravada por Jacob do Bandolim em 1964. No novo programa da série dedicada à suíte, a coordenadora de música do IMS, Bia Paes Leme, mostra que o choro Três estrelinhas, de Anacleto, foi a base do terceiro movimento composto por Radamés. E ressalta a importância desse músico hoje pouco lembrado. Ele marcou época à frente da  banda do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, com a qual participou das primeiras gravações brasileiras, em 1902 pela Casa Edison.

Músicas

Três estrelinhas (Anacleto de Medeiros) – Jacob do Bandolim em gravação caseira

Retratos – Ernesto Nazareth (Radamés Gnattali) – Jacob do Bandolim e orquestra de cordas do disco "Retratos – Jacob e seu bandolim"

 

Apresentação: Bia Paes Leme

Edição e sonorização: Filipe Di Castro