Artistas da música brasileira mergulham no acervo do Instituto Moreira Salles, de onde pescam canções que lhes influenciaram ou lhes serviram como inspiração. A cantora e compositora Zélia Duncan destacou canções de compositores como Lupicínio Rodrigues e Noel Rosa, além de passear pelo repertório de cantores a quem admira como Elizeth Cardoso e Francisco Alves.

Bloco 1
Nervos de aço (Lupicínio Rodrigues) – Francisco Alves
Boa noite, amor (Francisco Matoso e José Maria de Abreu) – Francisco Alves
Quem há de dizer (Alcides Gonçalves e Lupicínio Rodrigues) – Francisco Alves

Bloco 2
Folhas no ar (Elton Medeiros e Hermínio Bello de Carvalho) – Elizeth Cardoso
Meiga preseça (Paulo Valdez e Otávio de Morais) – Elizeth Cardoso
Joujoux e Balagandãs (Lamartine Babo) – Mário Reis e Mariah com acompanhamento da Orquestra do Cassino da Urca
O talento e a formosura (Edmundo Otávio Ferreira e Catulo da Paixão Cearense) – Vicente Celestino

Bloco 3
Filosofia (Noel Rosa e André Filho) – Mário Reis
Duas contas (Garoto) – Trio Surdina
Quando esse nego chega (Haroldo Barbosa)  – Araci de Almeida

 


Apresentação: Francisco Bosco
Produção: Carla Paes Leme
Sonorização: Filipe de Castro
Edição: Carla Paes Leme e Filipe de Castro
Supervisão: Francisco Bosco