O título deste programa é para não alimentar esperanças, caso alguém ainda as tenha quando se trata de Billie Holiday. Ouvi-la cantando é de doer, mas também provoca encantamento. Essa força da natureza, diferente de qualquer outra cantora, viveu apenas 44 anos, destruindo-se e sendo destruída por drogas, homens violentos, racismo. Seu centenário se completa neste 7 de abril. Para marcar a data, selecionamos nove torch songs, músicas de destruir o coração, aquelas que Billie sabia interpretar como ninguém.

 

Músicas

Body and soul (John W. Green/Edward Heyman/Robert Sour/Frank Eyton)

My man (Maurice Yvain/Channing Pollock)

We’ll be together again (Carl Fischer/Frankie Laine)

These foolish things (remind me of you) (Jack Strachey/Harry Link/Holt Maschwitz)

Solitude (Duke Ellington/Edgar De Lange/Irving Mills)

Stormy weather (Harold Arlen/Ted Koehler)

Lover man (Jimmy Davis/Roger “Ram” Ramirez/Jimmy Sherman)

Don’t worry ’bout me (Rube Bloom/Ted Koehler)

I don’t want to cry anymore (Victor Schertzinger)

I’m a fool to want you (J. Wolf/Herron/Sinatra)

 

Seleção: Luiz Fernando Vianna

Edição e sonorização: Filipe Di Castro