Mais do que uma cantora de música sertaneja, Inezita Barroso é um personagem muito importante da cultura brasileira. De família rica de São Paulo, gostava mesmo é de ir para a fazenda conversar com o pessoal da roça, ouvir histórias populares e recolher temas musicais. Muitos ela gravou e tornou conhecidos. Mas também foi ela quem lançou o samba-canção Ronda, de Paulo Vanzolini, em 1953, no Lado B de Marvada pinga, um de seus maiores sucessos. Inezita completou 90 anos neste 4 de março, data em que a Batuta, para homenageá-la, pôs no ar este programa. No dia 8, ela morreu em São Paulo.

Quase todas as faixas desta seleção da Batuta foram retiradas da caixa de seis CDs “O Brasil de Inezita Barroso”, organizada pelo pesquisador Rodrigo Faour e lançada em 2011, com gravações entre 1955 e 1962.

Músicas

Ronda (Paulo Vanzolini)

Marvada pinga (Laureano)

Tristeza do Jeca (Angelino de Oliveira)

Lá vem o Brasil (Nelson Ferreira/Murilo Araújo)

Lampião de gás (Zica Bérgami)

Fiz a cama na varanda (Dilu Mello/Ovídio Chaves)

Luar do sertão (Catulo da Paixão Cearense)

Sussuarana (Hekel Tavares/Luiz Peixoto)

Uirapuru (Waldemar Henrique)

Prenda minha (motivo folclórico gaúcho)

Funeral de um rei nagô (Hekel Tavares/Murilo Araújo)

 

Seleção: Luiz Fernando Vianna

Edição e sonorização: Filipe Di Castro