O guitarrista Dado Villa-Lobos, do grupo Legião Urbana, fez para a Rádio Batuta uma playlist com músicas que, na sua opinião, sintetizam o espírito de 1985, ano em que o Brasil elegeu o primeiro presidente civil pós-ditadura militar. Há, por exemplo, a energeticamente romântica Ohar 43, do RPM, e a anarquista Proteção, do Plebe Rude. Nem todas são canções marcadamente políticas ou especificamente de 1985, mas refletem o clima de liberdade e esperança do período.

Repertório

Ciúme (Roger Moreira) – Ultraje a Rigor

Olhar 43 (Paulo Ricardo/Luiz Schiavon) – RPM

Televisão (Marcelo Fromer/Tony Belotto/Arnaldo Antunes) – Titãs

O homem que eu amo (Miguel Barella/Giuseppe Frippi/Gaspa/Nasi/Thomas Pappon) – Voluntários da Pátria

Proteção (Philippe Seabra) – Plebe Rude

Núcleo base (Edgard Scandurra) – Ira!

O último romântico (Lulu Santos/Sérgio Souza/Antonio Cicero) – Lulu Santos

Todas (Marina Lima/Nico Rezende/Antonio Cicero) – Marina Lima

Sonho de Ícaro (Pisca/Cláudio Rabello) – Biafra

Soldados (Renato Russo/Marcelo Bonfá) – Legião Urbana

 

Seleção: Dado Villa-Lobos

Edição e sonorização: Filipe Di Castro