João Máximo

George Gershwin

Capítulo 7 – Um americano em Paris

Na sua terceira viagem à capital francesa, em 1928, Gershwin concebeu uma de suas obras mais importantes: o poema sinfônica An American in Paris. Ele até gravou sons da cidade para incorporar à peça, como conta João Máximo. O episódio também mostra a gênese de três canções marcantes: But not for me, I got rhythm e Embraceable you.

08.07.2017

Cena do filme "Deliciosa"

Capítulo 8 – A vez do cinema

Delicious (“Deliciosa”), de 1930, foi a primeira experiência de Gershwin em Hollywood. De volta a Nova York, ele fracassou com o musical Pardon my English e aumentou seu repertório de peças de concerto, incluindo uma inspirada na viagem que fez a Cuba.

08.07.2017

"Porgy & Bess" (1935)

Capítulo 9 – Porgy, Bess e o adeus ao teatro

Gershwin realizou em 1935 o sonho de estrear uma ópera com referências culturais e personagens negros. Muitos críticos e compositores rejeitaram inicialmente Porgy & Bess, que não atingiu o sucesso esperado. Mas o tempo fez bem ao repertório, consagrado entre os mais importantes da música dos EUA e do qual saíram canções como Summertime.

08.07.2017

Fred Astaire e Ginger Rogers

Capítulo 10 – O último ato em Hollywood

Precisando de dinheiro, Gershwin aceitou voltar a Hollywood. Encontrou em dois filmes um intérprete perfeito para suas canções: Fred Astaire. Um tumor no cérebro o impediu de concluir o terceiro. Morreu em 11 de julho de 1937, aos 38 anos.

08.07.2017

Gene Kelly e Leslie Caron em "Sinfonia de Paris"

Capítulo 11 – 80 anos depois

No último episódio da série, João Máximo mostra que a fama de Gershwin não parou de crescer após sua morte precoce. Filmes baseados em seus musicais, como Sinfonia em Paris (foto), remontagens destes musicais e muitos discos consagraram canções já conhecidas e revelaram outras. As peças clássicas também ganharam maior reconhecimento na posteridade.

08.07.2017

Jairo Severiano, 90 anos - Música, paixão e sabedoria

Jairo Severiano, 90 anos – Música, paixão e sabedoria

Reconhecido como um dos mais generosos pesquisadores musicais brasileiros, fonte de informação para colegas e artistas, Jairo Severiano completa 90 anos em 20 de janeiro. Em entrevista a João Máximo e Luiz Fernando Vianna, ele conta histórias e elege suas canções favoritas.

14.01.2017

Capítulo 10 - O fim da história

Capítulo 10 – O fim da história

Cole Porter terminou a vida doente e recluso, mas consagrado como um dos maiores artistas do século XX. No último episódio deste documentário, João Máximo mostra as últimas trilhas de sucesso do compositor, como as de “Meias de seda” e “Can-can”.

15.10.2014

Capítulo 9 - Reencontro com o sucesso

Capítulo 9 – Reencontro com o sucesso

Mesmo em parceria com outro gênio, Orson Welles, Cole Porter fracassou. Após o acidente, parecia para sempre divorciado do sucesso. Mas renasceu em 1948 com “Kiss me, Kate” e fez outros grandes musicais, conta João Máximo.

13.10.2014