Noel Rosa

Noel e a mentira

Assim como outros autores de sua época, o compositor costumava pintar as mulheres como falsas, enganadoras. Mas o tema também apareceu, em Prazer em conhecê-lo, numa situação em que dois rivais precisam fingir que não se odeiam.

20.05.2017

Noel e Vadico

A parceria entre o compositor carioca e o pianista paulistano rendeu apenas dez canções, mas entre elas estão obras inesquecíveis: Feitio de oração, Feitiço da Vila, Conversa de botequim, Pra que mentir?.

14.05.2017

Noel e os malandros

A relação do compositor com a malandragem era controvertida. Ele admirava os personagens, mas também fazia sambas críticos a eles. No repertório, Rapaz folgado, O século do progresso e Mulato bamba.

07.05.2017

Noel filósofo

Por causa de suas letras sofisticadas, Noel Rosa foi chamado de “filósofo do samba”. As ideias e imagens engenhosas do compositor aparecem em músicas como Filosofia, Positivismo e João Ninguém.

30.04.2017

Noel e os morros

Noel Rosa aproximou “asfalto” e “morro”, como se dizia na sua época. Foi parceiro e amigo de Ismael Silva, Cartola, Heitor dos Prazeres e outros, reforçando a qualidade e o alcance das criações dos compositores populares.

23.04.2017

Alceu Valença

Dick Farney, Ney Matogrosso, Alceu Valença, Simonal, Elis…

De um rock de Caetano Veloso até um samba de Gilberto Gil, Zuza Homem de Mello passeia por samba-canção, fox-trot, música caipira e outros gêneros que conhece bem.

21.04.2017

Noel e a Vila

Noel Rosa cantou Vila Isabel em apenas quatro composições, mas ficou totalmente associado ao lugar em que nasceu, sendo chamado de Poeta da Vila. Dois clássicos da música brasileira, Feitiço da Vila e Palpite infeliz, são dedicados ao bairro.

16.04.2017

Noel e o humor

Não faltam canções divertidas na obra do Poeta da Vila, que sabia conciliar inteligência com doses de escracho. O programa mostra exemplos como Um gago apaixonado, Tarzan e Conversa de botequim.

09.04.2017