Rádio USP

Wilson Simonal, em imagem reproduzida de vídeo, canta "Meu limão, meu limoeiro" na TV Record

Simonal, K-Ximbinho, Luiza Dionizio, Goma-Laca…

Zuza Homem de Mello apresenta duas versões de Meu limão, meu limoeiro com Wilson Simonal: em estúdio e, inédita em disco, ao vivo em São Paulo, há 50 anos (imagem reproduzida de vídeo). Faixas instrumentais e um projeto que redescobre antigas canções estão no programa.

23.06.2017

Tom Jobim, Nora Ney, Nei Lopes, Ricardo Silveira, Gaúcho da Fronteira…

A playlist semanal de Zuza Homem de Mello tem artistas hoje pouco lembradas e artistas jovens que já começam a chamar atenção, como Grupo Fato e Mihay. O program tem samba, jazz, bolero e Tom Jobim como autor de um tema instrumental e como intérprete de uma valsa de Vinicius de Moraes.

16.06.2017

Caetano Veloso

Canções de ontem e hoje: “Perdeu”

Guilherme Wisnik gostaria de tocar Vai passar, de Chico Buarque, em sua série no “Espaço em obra” (Rádio USP) sobre músicas que permanecem fortes. Mas a situação social e política do país o fez optar pela sombria Perdeu, de Caetano Veloso.

09.06.2017

Jacob do Bandolim

Dalva, Jacob do Bandolim, Mantiqueira, Leandro Braga, Del-Penho…

Zuza Homem de Mello homenageia o centenário de Dalva de Oliveira, reúne grandes faixas instrumentais, como uma de Jacob do Bandolim (foto), e apresenta o pouco conhecido Hino do Polytheama, composto por Chico Buarque para o seu time de futebol.

02.06.2017

João Donato

Músicas de Ary, Tom, Bonfá, Baden, Caymmi, Donato…

Músicas de grandes compositores em interpretações bem diferentes entre si estão na nova seleção de Zuza Homem de Mello. Também há João Donato (foto) e Jorge Ben Jor apresentando criações próprias e uma homenagem a Pixinguinha.

26.05.2017

Imagens contra o racismo e a exclusão

A exposição Todo poder ao povo, com trabalhos do artista que construiu a iconografia do movimento Panteras Negras nos EUA, é importante para o Brasil de hoje, diz Guilherme Wisnik. Na coluna “Espaço em obra” (Rádio USP), ele também comenta o filme Eu não sou seu negro.

26.05.2017

Elton Medeiros

Canções de ontem e hoje: “Maioria sem nenhum”

“Uns com tanto/ Outros tanto com algum/ Mas a maioria sem nenhum.” Estes versos de Elton Medeiros, que nunca caem em desuso no Brasil, são do samba selecionado por Guilherme Wisnik para a série de sua coluna “Espaço em obra” (Rádio USP) sobre músicas do passado que permanecem atuais.

19.05.2017

Lupicínio Rodrigues

Vinicius de Moraes, Os Cariocas, Taiguara, Noite Ilustrada, Lupicínio…

A bossa nova é a estrela do início da nova seleção musical de Zuza Homem de Mello. O percurso também mata a saudade de alguns intérpretes, ressalta novos e termina num samba-canção de Lupicínio Rodrigues (foto).

17.05.2017