tropicalismo

Milton Nascimento, Lô Borges e Beto Guedes

Sergio Molina e a música popular pós-1967

O compositor Sergio Molina dará no IMS Paulista, em maio, um curso baseado em seu livro Música de montagem – A composição de música popular no pós-1967. Em entrevista, ele explica como Sgt. Pepper’s, dos Beatles, mudou o jeito de compor e influenciou Milton, Gil e outros.

09.04.2018

Caetano Veloso e Gilberto Gil

Feliz 1968

Joaquim Ferreira dos Santos dá a partida nos comentários sobre os 50 anos daquele ano que não terminou. Ao menos até 13 de dezembro chegar com o AI-5, o Brasil alargou seus limites culturais, especialmente graças ao tropicalismo.

15.12.2017

Geração de 1942/Caetano Veloso - Caminhando contra o vento

Geração de 1942/Caetano Veloso – Caminhando contra o vento

Da bossa nova à partida para o exílio, o primeiro programa dedicado a Caetano Veloso, na série sobre a geração de 1942, recorda a intensa fase inicial da carreira do cantor e compositor. No repertório, Coração vagabundo, Alegria, alegria, Tropicália e outras.

30.07.2017

Geração de 1942/Gilberto Gil - Geleia geral

Geração de 1942/Gilberto Gil – Geleia geral

Com Domingo no parque e o tropicalismo, Gilberto Gil deu a partida em sua trajetória de metamorfose ambulante, misturando influências, ideias e sonoridades. Preso pelo regime militar e forçado ao exílio, despediu-se com Aquele abraço.

09.07.2017

O tropicalismo de Antonio Carlos e Jocafi

O tropicalismo de Antonio Carlos e Jocafi

Nos 50 anos do movimento tropicalista, falta incluir entre seus discos mais interessantes o Mudei de ideia, que os baianos Antonio Carlos e Jocafi gravaram em 1971. Só o preconceito pode explicar o silêncio sobre esse trabalho, diz Joaquim Ferreira dos Santos.

30.06.2017

Belchior e Gilberto Gil

Belchior x Caetano, Ceará x Bahia

A morte de Belchior trouxe novamente à tona as rusgas entre artistas cearenses e os tropicalistas baianos nos anos 1970. Joaquim Ferreira dos Santos recorda a história. Houve momentos de trégua, como uma parceria entre Gilberto Gil e Belchior.

05.05.2017

Dori Caymmi - Brasil, canção e violão

Dori Caymmi – Brasil, canção e violão

De volta após 26 anos morando em Los Angeles e reafirmando-se nacionalista, Dori Caymmi lança o CD Voz de mágoa (Música do Brasil), todo voz e violão. Na Batuta, ele exalta seus ídolos, minimiza o tropicalismo e lamenta a situação nacional: “Este país não foi o que me prometeram”.

24.04.2017

Vozes da voz: colagens

Vozes da voz: colagens

Nascidas nas artes plásticas, as colagens não são novas na música, mas ganharam fôlego com as técnicas digitais. Eucanaã Ferraz seleciona colagens em que as vozes são destaque, entre elas as de Caetano Veloso e Gilberto Gil em “Rap popcreto”.

05.07.2016