Todas as músicas de Chico Buarque escolhidas pelo artista plástico e escritor Nuno Ramos são da mesma década: 1970. Foi mera coincidência, embora tenham sido anos de alta produção do compositor, tanto em quantidade quanto em qualidade. Nuno preferiu que a versão de Morena dos olhos d’água fosse a de Caetano Veloso, no disco Caetano e Chico juntos e ao vivo, gravado em 1972 no Teatro Castro Alves, em Salvador, e mutilado pela Censura. Bárbara, da peça Calabar (1972/73), O que será (À flor da pele) (1976), Pivete (1978) e Pedaço de mim, da peça Ópera do malandro (1977/78), foram as outras eleitas.

Músicas

Morena dos olhos d’água (Chico Buarque) – Caetano Veloso

Bárbara (Chico Buarque/Ruy Guerra) – Chico

O que será (À flor da pele) – Milton Nascimento e Chico

Pivete (Francis Hime/Chico Buarque) – Chico Buarque

Pedaço de mim (Chico Buarque) – Gal Costa e Francis Hime

 

Seleção: Nuno Ramos

Edição: Filipe Di Castro

Ouça a série completa