• Jorge Mautner. Foto de Laura Liuzzi

    Especiais

    Jorge Mautner

    Em entrevista em sua casa, Jorge Mautner canta músicas e recorda sua infância de filho de judeus refugiados que ia ao candomblé levado pela babá. Também fala de militância política e de sua fé no Brasil.

  • Paulinho da Viola e a Velha Guarda da Portela

    Especiais

    Velha Guarda da Portela – 50 anos de glória

    Portela passado de glória lançou, em 1970, a Velha Guarda da Portela. Essa história é contada por Pedro Paulo Malta e Rodrigo Alzuguir, que entrevistaram Paulinho da Viola, produtor do disco, e Monarco, integrante da Velha Guarda. Eles ainda montaram playlist com 50 músicas.

  • Baile da Piedade

    Ouve essa

    Baile da Piedade

    Por causa do humor que marcava suas interpretações, Jorge Veiga ficou conhecido como o “caricaturista do samba”. Baile da Piedade, de 1947, é um ótimo exemplo.

Vinicius – Poesia, música e paixão

Documentários

Vinicius – Poesia, música e paixão

“Vinicius – Poesia, música e paixão” é o mais completo documentário feito sobre Vinicius de Moraes. Foi realizado por João Máximo na Rádio Cultura AM, de São Paulo, em 1993, por ocasião dos 80 anos de seu nascimento, e está disponível na Rádio Batuta.

Cristina Buarque, voz e memória do samba

Especiais

Cristina Buarque, voz e memória do samba

Cristina Buarque cantou muitos sambas na carreira e registrou, em fitas e na memória, outros tantos. Ela selecionou dez de sua preferência, nenhum óbvio, para a conversa com Pedro Paulo Malta em Paquetá, ilha onde mora. Em 23 de dezembro, completa 70 anos.

Brasil pandeiro

Ouve essa

Brasil pandeiro

Samba-exaltação bem diferente, com muito humor, a composição de Assis Valente foi dispensada por Carmen Miranda e lançada pelo conjunto Anjos do Inferno em 1941. Três décadas depois, faria sucesso com os Novos Baianos.

Belchior

Seleções

Belchior

Rapaz latino-americano de canto torto, Belchior teve vida errática e obra consolidada já no início da carreira. Esta playlist reúne 11 sucessos compostos e interpretados pelo artista, além de duas gravações fundamentais de Elis Regina.

O nome dele é Melodia

Seleções

O nome dele é Melodia

Luiz Melodia morreu em agosto de 2017 reconhecido como um cantor e compositor absolutamente original, capaz de conciliar samba e música pop com elegância. Algumas de suas criações estão nesta playlist, interpretadas por ele e por outros.

Folha morta

Ouve essa

Folha morta

O samba-canção Folha morta, de Ary Barroso, foi lançado em 1956 na voz de Jamelão. A parceria do cantor com a Orquestra Tabajara é um ponto alto da música brasileira.

Ímpares sinfonias

Prelúdios

Ímpares sinfonias

No seu conjunto de nove sinfonias, foi nas ímpares que Beethoven fez as transformações que o tornaram o nome maior do gênero. Trechos marcantes estão na seleção de Arthur Dapieve para o último programa dedicado aos 250 anos do compositor.

Homenagem a Zuza

Especiais

Homenagem a Zuza

Entre 2017 e 2020, Zuza Homem de Mello realizou 157 edições do Playlist do Zuza e compartilhou com a Rádio Batuta seu amor pela música. O IMS produziu um vídeo para agradecê-lo pela colaboração. Há depoimentos de Maria Bethânia, Ney Matogrosso, João Bosco e outros.

Os swing states de Regina Carter

A volta ao jazz em 80 mundos

Os swing states de Regina Carter

A violinista Regina Carter combinou jazz com política nesse álbum lançado em 2020, perto das eleições presidenciais dos EUA. Reinaldo Figueiredo explica que as músicas remetem aos estados em que a disputa é mais acirrada: Georgia on my mind, Pennsylvania etc.