A música brasileira perdeu, no dia 15 de agosto de 2012, o genial flautista e compositor Altamiro Carrilho, vítima de um câncer de pulmão, aos 87 anos de idade. Mestre do choro, ele também compôs com talento canções de outros gêneros e ritmos, dentre as cerca de duzentas músicas de sua autoria. Seu virtuosismo na flauta foi, é e sempre será reverenciado por artistas do mundo todo, como o célebre flautista francês Jean Pierre Rampal – que considerava o nosso homenageado o melhor do mundo. Em 2011, a Rádio Batuta já havia prestado homenagem a Altamiro com este programa da série Os Batutas. Vamos conhecer a vida e a obra deste mestre da flauta tanto como intérprete quanto como compositor… Altamiro Carrilho!

Bloco 1
Atraente (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e regional
Sentimental (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e regional
Beija-Flor (Altamiro Carilho) – Altamiro Carrilho

Bloco 2
Flauteando na chacrinha (Altamiro Carrilho e Ari Duarte) – Altamiro Carrilho
Guaracy (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho
Deixe o breque pra mim (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho

Bloco 3
Rio antigo (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e Bandinha
Dorinha, meu amor (José Francisco de Freitas) – Altamiro Carrilho e Bandinha
Elegante (Altamiro Carrilho) – Avena de Castro e conjunto

Bloco 4
O flautista triste (Altamiro Carrilho) – Edgard Gordilho e Heitor Brandão
Enigmático (Altamiro Carrilho) – Canhoto e Regional
Não resta a menor dúvida (Altamiro Carrilho) – Regional Altamiro Carrilho e Mário Sève

Bloco 5
Bem Brasil (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e seu Regional
Saliente (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e Regional
Pra tia Amélia (Altamiro Carrilho) – Regional Altamiro Carrilho e Carlos Malta
Frevinho carioca (Altamiro Carrilho) – Altamiro Carrilho e Seu Regional

Bloco 6
Caco de vidro (Altamiro Carrilho) – Choro na Praça
Esquerdinha na gafieira (Altamiro Carrilho) – Choro na Praça
Pesquisa e texto: Carla Paes Leme
Locução: Cláudia Diniz
Sonorização: Filipe Di Castro
Edição: Carla Paes Leme e Filipe Di Castro
Supervisão: Francisco Bosco