Pernambucano criado no Rio de Janeiro e radicado na Suíça, Antonio Meneses está entre os três melhores violoncelistas do mundo. Isso é mais do que suficiente para se dedicar um programa a ele, ressalta Arthur Dapieve. Ele destaca a força da música em peças de Schubert, Mendelssohn, Bach e Haydn.

Repertório

Sonata em lá menor para violoncelo e piano, “Arpeggione”, de Schubert (8:17). I: Allegro moderato

Canção sem palavras para violoncelo e piano, op. 109, de Mendelssohn (4:13)

Ária da Pastorale em Fá maior, BWV 590, de J.S. Bach (3:56)

Concertino para violoncelo e orquestra de cordas, em Sol maior, de Haydn I: Allegro com moto (8:41)

 

Apresentação: Arthur Dapieve

Edição e sonorização: Filipe Di Castro