A homenageada neste programa foi uma das grandes vozes da Música Popular Brasileira. Conhecida como a “Dama do Encantado”, bairro do subúrbio carioca onde nasceu, ela não era simplesmente uma excelente cantora, mas uma artista que sabia muito bem escolher repertório, característica que só engradecia seu talento de intérprete. Original no jeito de ser e agir, viveu cercada de intelectuais nas décadas de 50 e 60 sem nunca perder o título de “o samba em pessoa”. Versátil, a intérprete preferida de Noel Rosa e Wilson Batista foi até jurada de programa de calouros incorporando uma personagem mal humorada, que em nada se parecia com ela própria. Alguém que passeou com tanta habilidade por sambas, marchas, frevos, sambas-canção, choros, baiões, cateretês, corta-jacas e rumbas merece um programa especial. Vamos conhecer mais sobre a “batuta”… Araci de Almeida… uma cantora que “não tem tradução”.

Bloco 1
Não tem tradução (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra
Tem galinha no bonde (Haroldo Lobo e Milton de Oliveira) – Araci de Almeida
Flauta, cavaquinho e violão (Custódio Mesquita e Orestes Barbosa) – Araci de Almeida
Baião sacudido (Humberto Teixeira e Luiz Bandeira) – Araci de Almeida com acompanhamento de Valdir Azevedo e Trio Melodia
Tenha pena de mim (Babaú e Ciro de Souza) – Araci de Almeida com acompanhamento do Regional RCA Victor

Bloco 2
Golpe errado (Jaci) – Araci de Almeida
Que passo é esse, Adolfo? (Haroldo Lobo e Roberto Roberti) – Araci de Almeida
Vaca amarela (Carlos Fontes e Lamartine Babo) – Araci de Almeida e Lamartine Babo com acompanhamento de Diabos do Céu
Esquina da sorte (Hervé Cordovil e Lamartine Babo) – Araci de Almeida e Lamartine Babo com acompanhamento de Diabos do Céu

Bloco 3
Palpite infeliz (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento do Regional RCA Victor
Feitio de oração (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra
Último desejo (Noel Rosa) – Araci de Almeida
O x do problema (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra
Três apitos (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra
Pra que mentir (Noel Rosa e Vadico) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra
Feitiço da Vila (Noel Rosa e Vadico) – Araci de Almeida com acompanhamento de Francisco Sergi e orquestra

Bloco 4
Louco (Ela é o seu mundo) (Henrique de Almeida e Wilson Batista) – Araci de Almeida com acompanhamento de Benedito Lacerda e conjunto
Mulato calado (Benjamin Batista e Marina Batista) – Araci de Almeida
Saia do caminho (Custódio Mesquita e Evaldo Rui) – Araci de Almeida
Tenha pena de mim (Babaú e Ciro de Souza) – Araci de Almeida com acompanhamento do Regional RCA Victor
Com razão ou sem razão (Ari de Almeida e David Nasser) – Araci de Almeida
Camisa amarela (Ary Barroso) – Araci de Almeida com acompanhamento do Regional RCA Victor

Bloco 5
João Ninguém (Noel Rosa) – Araci de Almeida
Não me diga adeus (J.G. da Silva, Luiz Soberano e Paquito) – Araci de Almeida com acompanhamento de Benedito Lacerda e conjunto
Se eu morresse amanhã (Antônio Maria) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e conjunto
Escandalosa (Djalma Esteves e Moacir Silva) – Araci de Almeida com acompanhamento do Trio Madrigal e dos Vocalistas Tropicais

Bloco 6
Com que roupa (Noel Rosa) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra, Trio Madrigal e Trio Melodia
Conversa de botequim (Noel Rosa e Vadico) – Araci de Almeida com acompanhamento do Quarteto Continental
O orvalho vem caindo (Noel Rosa e Kid Pepe) – Araci de Almeida com acompanhamento de Radamés Gnattali e orquestra, Trio Madrigal e Trio Melodia
Pesquisa e texto: Carla Paes Leme
Locução: Cláudia Diniz
Edição e sonorização: Filipe Di Castro