Cyro Monteiro era um estilista do samba, cantava macio, com muita bossa. Em Até hoje não voltou, gravação de 1946, ele está em ótimas companhias. A composição, uma deliciosa cena carioca, é do bamba Geraldo Pereira, aqui em parceria com J. Portela. Ao fundo, a flauta de Benedito Lacerda. O registro foi extraído do site Discografia Brasileira.

Apresentação: Joaquim Ferreira dos Santos

Edição: Filipe Di Castro