Para a diretora teatral Bia Lessa, o momento caótico por que passa o mundo reacende a importância de O homem sem qualidades, do austríaco Robert Musil (1880-1942). No livro que ele escreveu por quase 20 anos e não concluiu, o matemático Ulrich busca, erraticamente, um sentido para a sua vida. “É um enfrentamento entre nós e nós, quase um espelho”, diz ela, que adaptou a obra para o teatro.

 

Confira outros episódios da série