É no bairro do Estácio, na fronteira entre a região central e a zona norte do Rio de Janeiro, que nasceu o samba tal qual conhecemos hoje, na década de 1920. Um dos pioneiros foi Alcebíades Barcelos, o Bide, inventor do surdo, introdutor do tamborim nos desfiles de carnaval, compositor de A malandragem (o primeiro samba da turma do Estácio a ser gravado, por Francisco Alves) e, ao lado do parceiro Armando Marçal, de sucessos como Agora é cinza e A primeira vez. O programa aborda esse período fundamental da música brasileira e fala de alguns de seus personagens. Na foto, Bide (à esquerda) e Marçal.

Músicas

Agora é cinza (Bide/Marçal) – Elza Soares

A malandragem (refrão) (Bide) – Monarco

Deixa esta mulher chorar (Brancura) – Mario Reis e Francisco Alves

Barão das Cabrochas (Bide/Marçal) – Moacyr Luz e Marçalzinho

A primeira vez (Bide/Marçal) – João Gilberto

Agora é cinza (Bide/Marçal) – Moacyr Luz e Marçalzinho

 

Apresentação: Luiz Fernando Vianna (com Petria Chaves, da CBN)

Roteiro: Joaquim Ferreira dos Santos

Edição e sonorização: Filipe Di Castro