Jair Rodrigues, que morreu em 8 de maio, viveu na dupla com Elis Regina um dos pontos de maior sucesso de sua carreira. Foram três discos entre 1965 e 1967, dos quais mostramos trechos de algumas gravações, como de Diz que fui por aí (Zé Keti), Zigue-zague (Alberto Paz/Edson Menezes), Tristeza (Niltinho/Haroldo Lobo), Louvação (Gilberto Gil/Torquato Neto) e Minha namorada (Carlos Lyra/Vinicius de Moraes).

 

Apresentação: Luiz Fernando Vianna (com Tania Morales, da CBN)

Edição e sonorização: Filipe Di Castro