O crítico e historiador da arte americano Michael Fried fez palestra em São Paulo e o Instituto Moreira Salles gravou com tradução simultânea. A palestra foi baseada em seu livro Why photography matter as art as never before (Por que a fotografia como arte é mais relevante do que nunca), que traça um panorama da fotografia a partir do final dos anos 1970. Segundo ele, a data marca a difusão da produção fotográfica em museus e galerias.