Ricardo Silveira mostra a beleza da obra de Moacir Santos (1926-2006) a partir do CD "Ouro negro", produção de Mario Adnet e Zé Nogueira que em 2001 iluminou novamente o compositor e maestro. Ricardo participou como guitarrista das gravações, que deram novos registros para as "Coisas" de Moacir, composições assim chamadas no clássico disco homônimo de 1965.

Músicas (todas de Moacir Santos)

Coisa nº 1

Coisa nº 6

Coisa nº 9

Coisa nº 10

Suk-cha

Bluishmen

Lamento astral

 

Apresentação: Ricardo Silveira

Edição e sonorização: Filipe Di Castro