Reinaldo Figueiredo dedicou o balanço de 2019 ao jazz brasileiro. A seleção só tem grandes músicos, alguns interpretando composições já clássicas.

Repertório

Canoa, canoa (Nelson Angelo e Fernando Brant) – André Mehmari

Consolação (Baden Powell e Vinicius de Moraes) – Alexandre Caldi e Itamar Assiere

Cinco (Edu Ribeiro e Chico Pinheiro) – Trio Corrente

Água de beber (Tom Jobim e Vinicius de Moraes) – Duofel, Carlos Malta e Robertinho Silva

Urutau (Bruno Barbosa) – Ludere

Harmonize (Hamilton de Holanda) – Hamilton de Holanda Quarteto

Teste de som (Amilton Godoy) – Amilton Godoy, Léa Freire e Harvey Wainapel

Paixão (Fábio Gouvea) – Fábio Gouvea

Samba jazz (J.T. Meirelles) – Alexandre Carvalho Quarteto

Em expansão (Carol Panesi) – Carol Panesi

Tristeza de nós dois (Mauricio Einhorn, Durval Ferreira e Bebeto Castilho) – Antonio Adolfo

 

A volta ao jazz em 80 mundos também é apresentado na terceira segunda-feira de cada mês, às 22h, na Rádio MEC FM do Rio de Janeiro (99.3 MHz).

Apresentação: Reinaldo Figueiredo

Edição: Filipe Di Castro