Embora fosse padre, ele passou boa parte da juventude atrás de rabos de saia, com o ânimo de um Casanova, a quem conheceu pessoalmente. Como conta Arthur Dapieve em seu novo programa, o italiano Lorenzo da Ponte (1749-1838) faliu algumas vezes, viveu em Viena e Londres, concluindo em Nova York sua consagração como o mais prestigiado dos libretistas. Entre os textos que escreveu para óperas estão o de As bodas de Fígaro, de Mozart. Também se ouvem aqui suas palavras para óperas de Salieri (o rival de Mozart) e Martin y Soler.

Repertório

Le nozze di Figaro: Cinque… Dieci… Venti… (Mozart) – 3:29 – Wladimiro Ganzarolli (barítono) e Mirella Freni (soprano) com orquestra e o coro da BBC, sob a regência de Sir Colin Davis

Le nozze di Figaro: Se a caso madama (Mozart) – 5:05 – Wladimiro Ganzarolli (barítono) e Mirella Freni (soprano) com orquestra e o coro da BBC, sob a regência de Sir Colin Davis

La cifra: Alfin son sola… Sola e mesta (Salieri) – 8:23 – Cecilia Bartoli e a Orchestra of the Age of the Enlightment, sob a regência de Adam Fischer

Una cosa rara: Consola le pene (Martin y Soler) – 4:07 – Montserrat Figueras (soprano), Gloria Fabuel (soprano) e outros cantores, orquestra Le Concert des Nations e o coro La Capella Reyal de Catalunya, sob a regência de Jordi Savall

Una cosa rara: Viva, viva, la regina (Martin y Soler) – 3:17 – Montserrat Figueras (soprano), Gloria Fabuel (soprano) e outros cantores, orquestra Le Concert des Nations e o coro La Capella Reyal de Catalunya, sob a regência de Jordi Savall

 

Apresentação: Arthur Dapieve

Edição e sonorização: Filipe Di Castro