Para falar de Gilberto Gil na série “Salve o compositor popular”, o professor de literatura Sergio Roberto Montero Aguiar decidiu lançar mão de algumas gravações de Gal Costa: de Eu vim da Bahia (1965) a Viagem passageira (2018). De acordo com Sergio, a cantora foi especialmente importante para a obra de Gil no período em que o artista esteve exilado em Londres, entre 1969 e 1972. Boa parte do repertório escolhido é formada por composições não muito conhecidas.

Músicas interpretadas pelo próprio Gil também serão tocadas e comentadas no encontro, que acontece na quarta-feira, dia 27, às 19h30, no IMS Poços, com entrada gratuita.

Mais informações sobre o evento estão no site do IMS.

Repertório

Eu vim da Bahia (Gilberto Gil) – Gal Costa

Back in Bahia (Gilberto Gil) – Gilberto Gil

Ouço (Gilberto Gil) – Gilberto Gil

Viagem passageira (Gilberto Gil) – Gal Costa

 

Apresentação: Luiz Fernando Vianna

Edição: Filipe Di Castro