Para o jornal inglês “The Independent”, ele é o maior pianista vivo. Quem não concorda não deixa de incluí-lo entre os maiores. O russo Grigory Sokolov, de 65 anos, é um músico que não grava muitos discos, considera cada apresentação completamente diferente de outras (daí não planejar com antecedência os repertórios que mostrará em seus concertos) e tem como característica marcante não se impor aos compositores que interpreta, preferindo sumir no universo deles. Neste programa, Arthur Dapieve mostra a excelência de Sokolov em cinco momentos.

Repertório

Sonata para piano em Fá maior, K 280: II adágio (Mozart) – 9:52

Prelúdio nº 24 em ré menor (Chopin) – 2:59

Ich ruf zu dir, Herr Jesu Christ (Bach) – 3:19

Rondó em Sol maior, Opus 51, nº 2 (Beethoven) – 8:33

Balada nº 2, Opus 10: andante (Brahms) – 7:06

 

Apresentação: Arthur Dapieve

Edição e sonorização: Filipe Di Castro