Elton Medeiros, um de seus parceiros, disse que, nos sambas em tom menor (mais lentos, frequentemente tristonhos), Mauro Duarte era imbatível. Nesta playlist preparada para marcar os 90 anos que o compositor completaria em 2 de junho, percebe-se que ele era ótimo também em sambas acelerados. É o caso, por exemplo, de Portela na avenida, música com que a escola se aquece todo carnaval antes de desfilar.

Mineiro nascido em Matias Barbosa, mas carioca desde os 3 anos, Mauro Duarte é dos principais representantes do chamado “samba de Botafogo”, o time musical do bairro da Zona Sul que contou com Walter Alfaiate e outros, sendo Paulinho da Viola o nome mais célebre.

Muito admirado entre os sambistas, Mauro não é lembrado pelo grande público, mas várias de suas criações são, especialmente as gravadas por Clara Nunes. Seis delas abrem o repertório. Ainda há quatro faixas com Paulinho e três com Cristina Buarque, a maior conhecedora de sua obra. A voz do próprio Bolacha (o apelido surgiu por causa de seu rosto redondo) está em três gravações.

Seu parceiro mais frequente foi Paulo César Pinheiro, mas Mauro, bom em tom menor e em tom maior, também era um craque nas letras. Ele morreu em 1989, aos 69 anos.

Repertório

Canto das três raças (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Clara Nunes

Lama (Mauro Duarte) – Clara Nunes

Menino Deus (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Clara Nunes

Portela na avenida (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Clara Nunes

Serrinha (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Clara Nunes

Meu sapato já furou (Mauro Duarte e Elton Medeiros) – Clara Nunes

Um ser de luz (Mauro Duarte, João Nogueira e Paulo César Pinheiro) – Alcione

Foi demais (Mauro Duarte e Paulinho da Viola) – Paulinho da Viola

Cuidado, teu orgulho te mata (Mauro Duarte e Walter Alfaiate) – Paulinho da Viola

A-M-O-R amor (Mauro Duarte e Walter Alfaiate) – Paulinho da Viola

Lamentação (Mauro Duarte) – Paulinho da Viola

Maioria sem nenhum (Mauro Duarte e Elton Medeiros) – Elton Medeiros

Lenha na fogueira (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Walter Alfaiate

Acerto de contas (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Alfredo Del-Penho e Samba de Fato

Falou demais (Mauro Duarte, João Nogueira e Paulo César Pinheiro) – Cristina Buarque e Samba de Fato

Aventura (Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro) – Mauro Duarte

Sorri de mim (Mauro Duarte e Walter Alfaiate) – Cristina Buarque e Mauro Duarte

A alegria continua (Mauro Duarte e Noca da Portela) – Cristina Buarque e Mauro Duarte

 

Seleção: Luiz Fernando Vianna

Edição: Filipe Di Castro