Emilinha Borba

Linda Batista, Marlene e Emilinha Borba

As rainhas do carnaval

A consagração das marchinhas não teria acontecido sem a força das vozes femininas. Carmen Miranda, Linda Batista, Marlene e Emilinha Borba (na foto, as três últimas) estão, entre outras, neste programa em que Joaquim Ferreira dos Santos entrevista os pesquisadores Fred Goes e Mona Villardo.

17.02.2020

Vanja Orico e Milton Ribeiro

Mulheres rendeiras, fortes e do forró

Personagens como a “paraíba mulher-macho” e a “comadre Sebastiana” estão entre as nordestinas lembradas neste episódio da série “A mulher na música brasileira”. A homenagem se estende a artistas como Almira Castilho, Marinês, Amelinha e Elba Ramalho.

02.09.2018

Marlene e Emilinha Borba

Emilinha e Marlene

Mais do que todas as outras cantoras, Emilinha Borba e Marlene representam o poder que o rádio brasileiro tinha de, com uma boa dose de marketing, fabricar ídolos e paixões. As duas foram rivais, de estilos diferentes, mas também gravaram juntas.

27.05.2018

Emilinha Borba e Denis Brean

Faça o mesmo

Emilinha Borba fez muito sucesso com marchinhas e rumbas, mas também cantava outros gêneros, como prova este choro ligeiro. A gravação da composição de Nássara e Eratóstenes Frazão é de 1939, quando ela ainda se apresentava como Emília Borba. (Na foto, com o compositor Denis Brean.)

28.06.2017

Detalhe de "Festa de São João", de Heitor dos Prazeres

Músicas de junho – Balões e fogueiras

O primeiro capítulo da série sobre as músicas de festas juninas traz as origens dessa tradição e marchinhas pioneiras como Cai, cai, balão e Chegou a hora da fogueira.

04.06.2017

Erasmo Carlos e os Tremendões

Do Tremendão ao Todo Feio

Ao contrário dos vergonhosos apelidos pelos quais os políticos são identificados na lista da Odebrecht, na música popular os codinomes eram dados e recebidos com carinho, como destaca Joaquim Ferreira dos Santos. Tremendão, Sapoti, Marrom, Enluarada e Ternurinha estão entre os exemplos.

21.04.2017