Guiomar Novaes

Guiomar, a dos olhos ébrios

Guiomar, a dos olhos ébrios

Claude Debussy, ao vê-la tocar em Paris com apenas 15 anos, disse que Guiomar Novaes tinha “os olhos ébrios de música”. Para Arthur Dapieve, a pianista “era capaz de derreter os corações mais empedernidos”, como provam as gravações escolhidas por ele para o programa.

26.03.2016