Moacir Santos

Gabriele Mirabassi e André Mehmari

Mehmari e Mirabassi; Zizi e Mart’nália; Ouro Negro, Bruno Batista…

Zuza Homem de Mello destaca o encontro especial entre o clarinetista italiano Gabriele Mirabassi e o pianista brasileiro André Mehmari (ambos na foto). Há mais encontros e mais música instrumental no programa, que termina com um artista revelado no Maranhão: Bruno Batista.

14.09.2018

Egberto Gismonti

Hermeto, Egberto, Spok, Letieres, Moacir, Tom, Sergio Mendes…

Zuza Homem de Mello reuniu gravações de artistas que estão entre o que há de mais importante na música instrumental brasileira, como Egberto Gismonti (foto) e Hermeto Pascoal. Há lugar até para Quincy Jones.

21.06.2018

Pixinguinha

Pixinguinha na flauta e no sax; e misturas de jazz com música brasileira

A seleção de Zuza Homem de Mello está de altíssimo nível, com Pixinguinha na flauta e no sax; os violões de Rogério Caetano e Marco Pereira; e formações misturando jazz e música brasileira, entre elas a Orquestra Tabajara e o conjunto de Moacir Santos.

15.06.2018

Moacir Santos entre Mario Adnet e Zé Nogueira

“Coisa nº 1”, “Corcovado”, “A paz”, “Disparada” jazzística…

Composições de Moacir Santos (na foto com Mario Adnet e Zé Nogueira), Tom Jobim, João Donato e Herivelto Martins integram o repertório de primeira linha do programa de Zuza Homem de Mello. A playlist termina com uma gravação caseira de Dick Farney tocando Disparada ao piano.

18.05.2018

Tom Jobim

Três vezes Tom Jobim, Moacir Santos, ‘Saudades da Guanabara’…

Zuza Homem de Mello selecionou três composições de Tom Jobim com interpretações muito diferentes, entre elas Só tinha de ser com você com Elis Regina. Uma criação do maestro Moacir Santos e um samba sobre o Rio de Janeiro são outros destaques.

29.12.2017

Nei Lopes

Geração de 1942/Nei Lopes – Sambas do Irajá

Nei Lopes domina vários estilos de samba, além de outros gêneros da tradição afro-brasileira. O programa apresenta um pouco da diversidade do autor de Tempo de Dondon em gravações com Chico Buarque, Zeca Pagodinho e outros.

17.12.2017

João Bosco e Clementina de Jesus

Clementina, Nat King Cole, Moacir Santos, Arnaldo Antunes, Magal…

Incompatibilidade de gênios, de João Bosco e Aldir Blanc, com Clementina de Jesus é um dos destaques da playlist de Zuza Homem de Mello. A seleção tem Nat King Cole cantando em português, brasileiros consagrados e também jovens: Diogo Monzo, Ive Mendes, Flávio Tris e Cibele Codonho.

18.08.2017

Novos Baianos

Novos Baianos, Nina Simone & Bethânia, Oscar Peterson, Grande Otelo…

Zuza Homem de Mello abre a playlist com um samba repleto de significados: Brasil pandeiro, com os Novos Baianos (foto). O programa ainda tem o encontro único entre duas divas; Garota de Ipanema com um histórico trio de jazz, e Grande Otelo cantando.

14.07.2017