olimpíadas

Os hinos olímpicos de Gonzaguinha

Os hinos olímpicos de Gonzaguinha

Gonzaguinha foi lembrado nas cerimônias dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos com canções de sua fase menos ácida e mais esperançosa, como ressalta Joaquim Ferreira dos Santos. Em vez do “cantor rancor”, o artista que acredita na “rapaziada” e para quem “a vida é bonita”.

09.09.2016

O campeão voltou, mas a música na torcida, não

O campeão voltou, mas a música na torcida, não

Com a medalha de ouro olímpica, o futebol brasileiro voltou a conquistar uma vitória importante. A torcida, porém, que costumava encher as arquibancadas com músicas especiais para incentivar e comemorar, mostrou que está pouco criativa, como aponta Joaquim Ferreira dos Santos em sua nova crônica.

26.08.2016

A MPB não é nada olímpica

A MPB não é nada olímpica

Para os compositores brasileiros, esportes olímpicos não dão samba. Mas podemos pensar em outras atividades e seus praticantes: “Tiro ao Álvaro”, “O rei do gatilho”, “Atiraste uma pedra”, “Tarzan, o filho do alfaiate”… Na seleção de Joaquim Ferreira dos Santos, vitória só a do humor.

07.07.2016