Reinaldo Figueiredo

Charles Mingus

Charles Mingus sem fronteira

Nascido na divisa dos EUA com o México, Charles Mingus não respeitava fronteiras musicais. Entre as muitas sonoridades que combinava em suas composições estavam as mexicanas. Reinaldo Figueiredo seleciona temas do álbum Tijuana Moods (1962) regravados pela Mingus Big Band em 1997.

12.02.2020

Claudio Roditi

Claudio Roditi, o embaixador do samba-jazz

Claudio Roditi, que morreu em 18 de janeiro, mudou-se para os EUA nos anos 1970 e se consagrou como um dos grandes trompetistas do jazz. Tocou com Dizzy Gillespie, McCoy Tyner e outros, mas nunca deixou de imprimir sonoridade brasileira em seu trabalho, como mostra Reinaldo Figueiredo no programa.

17.01.2020

Alexandre Caldi e Itamar Assiere

O balanço de 2019. E que balanço!

A seleção brasileira que Reinaldo Figueiredo escalou para apresentar grandes momentos de 2019 tem André Mehmari, Hamilton de Holanda, Duofel, Antonio Adolfo, o duo Alexandre Caldi & Itamar Assiere (foto) e muito mais.

16.12.2019

Clint Eastwood

O lado B de Clint Eastwood

O jazz é presença marcante nos filmes dirigidos por Clint Eastwood. Um de seus trabalhos mais conhecidos é Bird, sobre o saxofonista Charlie Parker. Gravações extraídas das trilhas dos longa-metragens estão seleção de Reinaldo Figueiredo.

18.11.2019

Gabriel Grossi e Stefania Tallini

A arte do encontro

Reinaldo Figueiredo selecionou gravações que mostram a harmonia entre artistas de diferentes nacionalidades e gêneros musicais. Há Cristovão Bastos tocando Thelonious Monk, franceses tocando choro, Gabriel Grossi em duo com a italiana Stefania Tallini (foto) e outros encontros.

21.10.2019

Nicolas Krassik

Suingando com o violino

O violino, ícone da música clássica, é muito bem tratado no jazz, como mostra Reinaldo Figueiredo. Ele selecionou gravações de, entre outros, Stéphane Grappelli, Regina Carter e Nicolas Krassik (foto), francês que já virou também brasileiro.

16.09.2019

Os 80 mundos de Boris Vian

Os 80 mundos de Boris Vian

Reinaldo Figueiredo dedica o programa aos 60 anos da morte de Boris Vian, o artista francês que viveu apenas 39 e fez de tudo um pouco, inclusive tocar trompete. Seus livros espelham o amor que sentia pelo jazz, sobretudo Duke Ellington. Mas também há Louis Armstrong e Miles Davis no repertório.

19.08.2019

Esbjörn Svensson

Cool jazz é isso aí

Músicos escandinavos (às vezes em companhia de brasileiros, como Egberto Gismonti) estão no programa de inverno que Reinaldo Figueiredo preparou. Um deles é o pianista sueco Esbjörn Svensson (foto), que morreu em 2008 fazendo mergulho submarino.

15.07.2019