O nono episódio do documentário começa com a famosa narração de Orson Welles para A guerra dos mundos, programa de rádio que levou pânico aos EUA. O gênio do diretor de Cidadão Kane foi encontrar o de Cole Porter no musical teatral A volta ao mundo em 80 dias, mas nem assim o sucesso voltou a sorrir para o compositor. Longe da popularidade que tinha antes do acidente que esmagou suas pernas, Cole Porter passou a ter dúvidas sobre seu talento, como conta João Máximo. Mas ele voltou a ser um grande nome da Broadway com Kiss me, Kate, que estreou em 30 de dezembro de 1948 e é um de seus grandes musicais. Outros sucessos foram Can-Can e Silk stockings, esta seu último trabalho no teatro.

Músicas do episódio

Look what I found – Sandy Stewart

Should I tell I love you? – Sandy Stewart

Why can’t you behave? – Dick Marx

“Kiss me, Kate” overture – Orquestra

So in love – Patricia Morison

Brush up your Shakespeare – Aloysius Donovan e Alexis Dubroff

Always true to you in my fashion – Lisa Kirk

Bianca – Harold Lang

Where thine that special face – Alfred Drake

Why can’t you behave? – Lisa Kirk

Too darn hot – Lorenzo Fuller e Coro

I Jupiter, I Rex – Ken Page e Coro

Use your imagination – Marin Mazzie

Cherry pies ought to be you – Peter Scolari e La Chanze

“Can-can” overture – Orquestra

C’est magnifique – Lilo e Peter Cookson

Too bad – Henry Lescoe, Leon Belasco e David Opotoshu

Paris loves lovers – Don Ameche e Hildegarde Neff

 

Roteiro, texto e apresentação: João Máximo

Edição e sonorização: Filipe Di Castro