Produzido nos anos da Segunda Guerra Mundial e lançado em 1945, A rosa do povo é um dos livros mais importantes de Carlos Drummond de Andrade, e certamente o mais político. Foi a época em que o poeta se aproximou do comunismo. Os 70 anos de sua publicação fizeram com que girasse em torno desse livro a programação de 2015 do Dia D, o evento anual liderado pelo IMS para homenagear Drummond na data de seu aniversário, 31 de outubro. 

A Rádio Batuta convidou o poeta e filósofo Antonio Cicero para ler os 55 poemas de A rosa do povo, empreitada que ele cumpriu em uma só tarde, dada a intimidade que tem com os versos de Drummond. Nesta página, é possível escutar todos os registros de Cicero, que podem emocionar e, também, ajudar a comprrender significados dos poemas.

 

Leitura: Antonio Cicero

Gravação: Laura Liuzzi

Edição: Filipe Di Castro