“Eu sou o samba”, diz o narrador desta crônica em que Joaquim Ferreira dos Santos homenageia o centenário do gênero. Ele faz um passeio lírico e onírico pelo século musical, da casa da Tia Ciata até os malandros do século XXI, que passam gingando de tatuagem no pescoço e celular no bolso.

 

As crônicas de Joaquim Ferreira dos Santos também podem ser ouvidas no canal de podcasts Rádio Batuta. Baixe o app na loja de sua preferência (como App Store e Google Play).

Texto e locução: Joaquim Ferreira dos Santos

Edição e sonorização: Filipe Di Castro