Para falar de seu instrumento favorito, o oboé, Arthur Dapieve selecionou concertos de três grandes compositores barrocos: Antonio Vivaldi, Tomaso Albinoni e Alessandro Marcello. O menos conhecido dos três é Marcello, mas seu concerto, que foi todo transcrito para cravo por Bach, é frequentemente citado pelo cronista Luis Fernando Verissimo como uma das coisas mais belas que já ouviu.

Repertório

Vivaldi (1678-1741). Concerto para oboé, opus 8, número 9, RV 454, em ré menor – Pierre Pierlot e conjunto I Solisti Veneti. Regente: Claudio Scimone
I. Allegro (2:57)
II. Largo (2:36)
III. Allegro (2:26)

Albinoni (1671-1751). Concerto para oboé, opus 9, número 2, em ré menor – Heinz Hollinger e o conjunto I Musici.

I. Allegro e non presto (4:08)
II. Adagio (5:22)
III. Allegro (2:52)

Marcello (1669-1747). Concerto para oboé, em ré menor – Paolo Grazzi e Orquestra Barroca de Veneza. Regente: Andrea Marcon.

I. Andante spiccato (3:08)
II. Adagio (3:17)
III. Presto (3:20)

 

Apresentação: Arthur Dapieve

Edição e sonorização: Filipe Di Castro