Arthur Dapieve

Pavel Haas com sua mulher e sua filha

Música nos campos

Arthur Dapieve dedica o programa aos músicos que foram vítimas do Holocausto. Há, por exemplo, peças de Pavel Haas (na foto, com a mulher e a filha) e Erwin Schulhoff, mortos nos campos, e o “Quarteto para o fim dos tempos”, de Olivier Messiaen, tocado para prisioneiros de guerra como ele.

29.07.2017

Marcelo Fagerlande e Rosana Lanzelotte

Rosana, cravo e Marcelo

Instrumento tão associado à música barroca, o cravo é muito ouvido no Rio de Janeiro graças, sobretudo, a Rosana Lanzelotte e Marcelo Fagerlande. Os dois protagonizam o novo programa de Arthur Dapieve, que tem no repertório peças de Bach, Haydn, Nazareth e outros.

24.06.2017

Monteverdi

Monteverdi, quatrocinquentão

Nos 450 anos de Claudio Monteverdi, tido como o inventor da ópera, Arthur Dapieve apresenta árias, peças sacras e madrigais que demonstram a atemporalidade da obra do compositor renascentista.

27.05.2017

Quatro anos...

Quatro anos…

O programa de Arthur Dapieve completa quatro temporadas com uma edição em que não há um tema costurando o repertório. O prazer de compartilhar o amor pela música clássica moveu suas escolhas: peças de Beethoven, Mozart, Mahler e outros, por intérpretes como Igor Levit (foto).

29.04.2017

Na linha do Villa

Na linha do Villa

Villa-Lobos foi quem encarnou melhor a ideia de que a música brasileira poderia ter uma linha própria, uma escola. Nela também estão Tom Jobim, Francis Hime e Egberto Gismonti. São os compositores do novo programa de Arthur Dapieve.

18.02.2017

Cabaré clássico

Cabaré clássico

Na abertura da quinta temporada de Prelúdios, Arthur Dapieve destaca a música de cabaré, surgida na Alemanha dos anos 1920. O casal Lotte Lenya e Kurt Weill (foto), Marlene Dietrich e Ute Lemper são personagens do programa.

28.01.2017

Edino Krieger

A boa câmara brasileira contemporânea

Compositores brasileiros têm criado obras que não são mera repetição neoclássica nem abrem mão do reconhecimento público. Arthur Dapieve selecionou peças de Edino Krieger (foto), Sergio Roberto de Oliveira, Almeida Prado, João Guilherme Ripper, Guilherme Bauer e Ricardo Tacuchian.

17.12.2016

Aaron Copland

O populista americano

Autor da célebre “Fanfarra para o homem comum”, o americano Aaron Copland queria fazer a música clássica chegar ao maior número possível de ouvintes e sensibilizá-los. Era populista, mas também brilhante, como mostra Arthur Dapieve.

26.11.2016