Sinatra ganhou o livro From here to eternity no Natal de 1951, quando vivia o pior momento de sua vida e era sustentado por Ava Gardner. Identificou-se com o personagem Angelo Maggio e, após muito empenho, ganhou o papel que lhe deu o Oscar de ator coadjuvante em 1954 e força para renascer como astro. A Capitol apostou em sua segunda vida, e, como João Máximo conta neste quarto episódio do documentário, ele chegou à gravadora fazendo exigências, como a de ter Axel Stordahl como seu arranjador. Não deu certo, mas, vítima de um feliz engano, conheceu o outro maestro fundamental de sua carreira: Nelson Riddle. Na Capitol, desenvolveu os discos conceituais: ora integralmente românticos, como In the wee small hours; ora dançantes do início ao fim, como Songs for swinging lovers. Sinatra voltou ao topo das paradas de sucesso e da lista dos melhores cantores.

Roteiro

From here to eternity (Fred Karger) – Morris Stoloff com orquestra da Columbia Pictures

Lean baby (Billy May e Roy Alfred) – Frank Sinatra com Henry Beau

Day in – day out (Rube Bloom e Johnny Mercer) – Frank Sinatra com Axel Stordahl

I've got the world on a string (Harold Arlen e Ted Koehler) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Cena da morte de Angelo Maggio – Frank Sinatra

Agradecimento pelo Oscar – Frank Sinatra

From here to etenity (Fred Karger e Robert Wells) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

How little we know (Philip Springer e Carolyn Leigh) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Young at heart  (Johnny Richards e Carolyn Leigh) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

You, my love (Jimmy Van Heusen e Mack Gordon) – Frank Sinatra e Doris Day na trilha sonora de Young at heart

In the wee small hours of the morning (Bob Hilliard e Dave Mann) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Too marvelous for words (Richard Whiting e Johnny Mercer) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

I've got you under my skin (Cole Porter) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Wait till you see her (Richard Rodgers e Lorenz Hart) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Nice work if you can get it (George Gershwin e Ira Gershwin) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Lonely town (Leonard Bernstein, Betty Comden e Adolf Green) – Frank Sinatra com Gordon Jenkins

Witchcraft (Cy Coleman e Carolyn Leigh) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

Come fly with me (Jimmy Van Heusen e Sammy Cahn) – Frank Sinatra com Billy May

Like someone in love (Jimmy Van Heusen e Johnny Burke) – Frank Sinatra com Nelson Riddle

 

Concepção, roteiro e apresentação: João Máximo

Edição e sonorização: Filipe Di Castro