Como o nome deixa claro, o Conjunto João Rubinato, formado há dez anos, escolheu se dedicar exclusivamente à obra de João Rubinato, muito mais conhecido por seu codinome: Adoniran Barbosa. Tanto empenho resultou na descoberta de composições inéditas, como conta nesta entrevista o idealizador do conjunto, Tomás Bastian. Elas foram gravadas pelo grupo paulistano e por convidados no disco-livro Adoniran em partiura – 12 canções inéditas. Os artistas e pesquisadores localizaram 11 partituras de músicas que chegaram a ser interpretadas no passado, mas nunca registradas em disco. E há Duas horas da madrugada, parceria com Hervé Cordovil que a filha do maestro guardou na memória. O disco-livro tem as participações de Eduardo Gudin, Carlinhos Vergueiro, Osvaldinho da Cuíca, Esterzinha de Souza, Regina Cordovil e Toinho Melodia. Pode ser encomendado pelo e-mail projetojoaorubinato@gmail.com.

Repertório

Minha vida se consome (Adoniran Barbosa, Pedrinho Romano e Verídico) – Conjunto João Rubinato e Osvaldinho da Cuíca

Duas horas da madrugada (Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil) – Hervé Cordovil

Duas horas da madrugada (Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil) – Conjunto João Rubinato e Regina Cordovil

É cedo (Adoniran Barbosa e Totó) – Conjunto João Rubinato e Esterzinha de Souza

Olhando pra lua! (Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil) – Conjunto João Rubinato e Eduardo Gudin

 

Apresentação: Luiz Fernando Vianna

Edição: Filipe Di Castro