O ano de 1963 assistiu ao fim do parlamentarismo e à volta do presidencialismo como regime político do Brasil. Já no cenário internacional, o acontecimento mais marcante foi o assassinato do presidente norte-americano John Kennedy, em Dallas. Enquanto isso, era lançada a música brasileira mais tocada e gravada no mundo todo: “Garota de Ipanema”, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. Outro fato musical que marcou o ano de 1963 foi a estreia de Jorge Ben em disco, com o LP “Samba esquema novo”.
Bloco 1
Garota de Ipanema (Tom Jobim e Vinicius de Moraes) – Pery Ribeiro
Balanço Zona Sul (Tito Madi) – Wilson Simonal
O que eu gosto de você (Sílvio César) – Sílvio César
Bolinha de sabão (Adilson Azevedo e Orlandivo) – Sônia Delfino

Bloco 2
Tudo de mim (Evaldo Gouveia e Jair Amorim) – Altemar Dutra
Esta noite eu queria que o mundo acabasse (Silvinho) – Silvinho
Enigma (Adelino Moreira) – Nelson Gonçalves

Bloco 3
Só danço samba (Tom Jobim e Vinicius de Moraes) – Os Cariocas
Ela é carioca (Tom Jobim e Vinicius de Moraes)
Rio (Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli) – Os Cariocas
Samba do avião (Tom Jobim) – Os Cariocas

Bloco 4
Mas que nada (Jorge Ben) – Jorge Ben
Chove chuva (Jorge Ben) – Jorge Ben
Por causa de você, menina (Jorge Ben) – Jorge Ben

Bloco 5
Marcha da Quarta-Feira de Cinzas (Carlos Lyra e Vinícius de Moraes) – Jorge Goulart
A lua é camarada (Klecius Caldas e Armando Cavalcanti) – Angela Maria
Chica da Silva (Anescar e Noel Rosa de Oliveira) – Monsueto

Bloco 6
Samba em prelúdio (Baden Powell e Vinicius de Moraes) – Geraldo Vandré e Ana Lúcia
Ave-Maria dos namorados (Evaldo Gouveia e Jair Amorim) – Cauby Peixoto
Foi assim (Lupicínio Rodrigues) – Jamelão
Eu agora sou feliz (Mestre Gato e Jamelão) – Jamelão

Bloco 7
Parei na contramão (Roberto Carlos e Erasmo Carlos) – Roberto Carlos
Baby, meu bem (Hélio Justo e Tito Santos) – Roberto Carlos

Baseado no livro “A canção no tempo”, de Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello

Adaptação, pesquisa e texto: Carla Paes Leme
Locução: Gláucia Araújo
Sonorização e edição: Filipe Di Castro