Aviso aos navegantes, lançado em 1956, é um disco raro, presente na coleção de José Ramos Tinhorão, no IMS. É considerado um dos primeiros discos brasileiros com canções de protesto. As composições e interpretações são de Alberto Ribeiro, mais conhecido como parceiro de Braguinha em Copacabana, Chiquita Bacana e outras. O cantor Marcelo Pretto tem fascínio por Aviso aos navegantes desde que o encontrou, por acaso, num sebo. Neste programa, ele classifica o conjunto de músicas como relevante, original e ousado para a época. Para o cantor, até a aparente ingenuidade dos 16 temas é valiosa.

O show no IMS Paulista, nos dias 12 e 13 de novembro, às 20h30, contará com outras músicas de cunho social, como Pedreiro Waldemar (Wilson Batista e Roberto Martins) e Maria Candelária (Klecius Caldas e Armando Cavalcanti). Pretto será acompanhado por Lincoln Antonio (piano), Kabé Pinheiro (percussão), Rodrigo Sestrem (sopros e rabeca), Roberta Estrela D’Alva e Tia Cida dos Terreiros.

O disco de Alberto Ribeiro foi tema em 2013 de um episódio do programa Música é História.

Mais informações sobre o show no site do IMS.

Repertório

Bateram no boi (Alberto Ribeiro) – Alberto Ribeiro

Seu Cosme (Alberto Ribeiro) – Marcelo Pretto durante a entrevista

Latifúndio (Alberto Ribeiro) – Alberto Ribeiro

 

Apresentação: Lucas Nobile

Edição: Filipe Di Castro